Na noite do dia 01 de Janeiro deu entrada no UPA de Coronel Vivida uma criança de 8 anos iniciais L.H.F o qual teria sofrido ataque de uma cobra de imediato a medica de plantao acionou o Centro Intoxicaçao Toxicologica do Parana em Curitiba enviando fotos do animal, nesse momento foi identificado ser uma coral verdadeira especie Micrurius e o estado entrou em alerta devido a gravidade da situação e a criança apresentar alguns sintomas, antidodo para o veneno soro Antielapidido e unico e somente ele serve para bloquear o veneno.

Nao ha estoque na regiao pois nao ocorria acidente com esse tipo de cobra ha anos entao começa a corrida em busca do soro acionando todas as regionais do estado e localizado em Guarapuava cidade mais proxima de Coronel Vivida

A criança precisou de 4 ampolas para estabilizar, após isso foi liberada e esta sendo acompanha pela unidade de saude de Coronel Vivida a qual ira monitorar.

Fonte: Vigilancia Sanitaria de Coronel Vivida

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here